terça-feira, março 27, 2012

Petit

Quando meu passo
- em falso -
não está mais à altura
do salto, 
a dança continua
nos pés descalços,
enquanto tropeço 
nas palavras,
onde sou mais sua...



4 comentários:

Anônimo disse...

Lindo !

disse...

Muito bonito, mesmo.

Anônimo disse...

Queria, por fim, dizer a ti algo que não ouso - e tu não vês. Anônimo (du vingtième siècle).

Maria Borges disse...

Obrigada a todos pelo carinho da visita... Anônimos, vocês são muito misteriosos, principalmente o que tem sotaque! ;-) Beijos!