quinta-feira, junho 12, 2014

Clos*

Busco no teu corpo
o meu igual oposto,
sabendo o risco
- e o custo -
desse gozo
que em meu sorriso brilha,
enquanto te degusto...




*Pequeno vinhedo, quase sempre murado...

3 comentários:

ZÉ URBANO disse...

Olá. Parabéns, gostei do que li. abç.

A Noiva Cadáver disse...

Tim tim.

Anônimo disse...

Tim Tim ... ao seu sorriso !!
JC